Um Jeito Feliz de (Ha)ver (a) Vida

Uma transição trabalhada e apoiada é promotora de bem-estar e sucesso individual, enquanto uma transição feita sem apoio poderá conduzir a comportamentos desviantes. Torna-se importante consciencializar os jovens para os desafios que enfrentarão numa vida autónoma, desenvolvendo competências funcionais, psicológicas e sociais, e estratégias de resolução de problemas que lhes poderão ser úteis no seu dia-a-dia. Nesse sentido, a Plataforma PAJE, propõe uma intervenção com jovens em pré-autonomia que pretende promover transições favoráveis, sensibilizá-los para a vida pós-acolhimento, promover o conhecimento pessoal e diminuir o choque da transição, promovendo uma inclusão bem-sucedida como cidadão ativo. Acreditamos que esta intervenção, vindo de uma entidade exterior à casa de acolhimento, com pessoas diferentes daquelas que diariamente contactam com o jovem, possa ser uma mais-valia.