Novidades

Quer ajudar? Torne-se associado agora.

2017 começou com muitos pedidos de apoio e neste momento a Plataforma PAJE já ajudou(a) mais 66 jovens que viveram em Instituições. Não podendo (ainda) recorrer a apoios institucionais, socorre-se do voluntariado, de angariações pontuais e das quotizações. No final de 2016 atingimos a centena de associados. Agora que estamos em 2017, informamos que quem se tornar sócio até à data do nosso aniversário (início de Maio), terá direito ao estatuto de “Sócio Pioneiro”. A quota é apenas 1€ por mês e além de ajudar, terá direito a participar nas Assembleias Gerais, receber a nossa Newsletter e ser informado de eventos promovidos pela Plataforma PAJE. Acredito que em breve seremos muitos mais “Pajés”, pois além de vós, certamente irão partilhar junto dos vossos contactos.

Plataforma já acompanha meia centena de jovens ex-acolhidos

Em nove meses, a Plataforma de Apoio a Jovens Ex-Acolhidos (PAJE) já apoiou mais de meia centena de jovens, nas mais diversas valências, tendo alcançado a centena de associados, confirmou ao Diário de Coimbra João Pedro Gaspar, mentor e presidente do PAJE, criada em Fevereiro para prestar apoio psicológico, jurídico e aconselhamento informal aos jovens adultos que saem das instituições de acolhimento, contribuindo para a sua inclusão social e laboral. Instalada no Instituto de Psicologia Cognitiva e Desenvolvimento Humano e Social da Universidade de Coimbra, a PAJE tem conquistado, graças ao trabalho que tem desenvolvido com os jovens, o reconhecimento das instituições. De tal maneira que acolhe estágios da Ordem dos Psicólogos e curriculares (tem, neste momento, três estagiárias a trabalhar na plataforma), assim como vê encaminhados para si muitos casos das Equipas Multidisciplinares de Assessoria aos Tribunais (EMAT), ficando a PAJE responsável por apoiar os respectivos jovens.

As crianças foram vitimas! Os jovens necessitam…A PAJE nasce!

Sob a égide do Instituto de Psicologia Cognitiva e Desenvolvimento Humano e Social (Unidade de I&D da Universidade de Coimbra – IPCDHS/FCT) foi criada uma Plataforma de Apoio a Jovens Ex-acolhidos – PAJE que pretende promover a inclusão social e laboral de jovens adultos que viveram acolhidos como vítimas prematuras, apoiando em situações burocráticas quotidianas e aconselhamento.